Projeto Biblioteca em Movimento recebe 690 novos títulos para seu acervo público e gratuito


Qualquer pessoa ou instituição pode doar livros novos ou usados. O acervo fica disponível gratuitamente na Defensoria

Publicado em 10/11/2017 12:20

Cléo Oliveira / Ascom DPE-TO

O projeto “Biblioteca em Movimento”, realizado pela Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), recebeu 690 novos títulos para o seu acervo. O reforço no projeto é resultado de uma campanha para doação de obras literárias, que contou com o envolvimento e doações de servidores e de pessoas que não são ligadas à instituição.


Os novos livros foram catalogados e já inseridos nas prateleiras da DPE, local onde as obras ficam disponíveis aos Assistidos e servidores. Entre os novos títulos estão clássicos da literatura brasileira, como “Helena” e “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis.


Já entre obras de autores estrangeiros, o acervo recebeu itens do gêneo infantojuvenil, a exemplo de "Pollyana Moça", originalmente lançado em 1915 como sequência de "Pollyana".


Apesar da campanha de doação de livros ter focado em obras literárias, outros gêneros importantes também chegaram ao acervo do projeto, entre eles, “O Povo Brasileiro”, de Darcy Ribeiro, que aborda a história antropológica do Brasil.


Envolvimento
Autores regionais também deram sua contribuição, como o escritor Ademir Barbosa Rêgo, que mora em Paraíso do Tocantins, a 61 Km de Palmas. Ele aderiu à campanha doando 20 exemplares de “Casos Ao Acaso”, de sua autoria.


Dos 690 livros arrecadados, 226 são resultado de uma ação de estudantes do curso de Arquitetura e Urbanismo do Ceulp/Ulbra, em Palmas, que realizaram campanha interna na universidade a fim de arrecadar os títulos que foram doados ao projeto.


Biblioteca em Movimento
Com o tema “Conhecimento que fica, livro que segue”, o projeto incentiva o hábito da leitura e tem como objetivo a circulação de obras literárias, já que depois de ler a pessoa poderá devolver à Defensoria ou repassar para uma outra pessoa para que continue o ciclo da leitura e do compartilhamento.


O acervo é público e está disponível gratuitamente a quem busca atendimento jurídico na Defensoria. Em Palmas, os livros estão em prateleiras distribuídas no prédio da DPE para que, em todos os setores de atendimento, os Assistidos possam ter acesso aos títulos disponíveis.


O projeto está implantado nas nove unidades regionais da DPE, no Tocantins. Em todos os casos, os Assistidos podem ler os livros enquanto aguardam atendimento. Podem, ainda, levar algum título para casa, devolvendo-o quando concluir a leitura.


Novas doações
A campanha para doações de títulos literários foi realizada de 17 de outubro a 3 de novembro, porém, o projeto recebe doações o ano todo. Nesta sexta-feira, 10, por exemplo, uma nova doação chegou à DPE para ampliar ainda mais os livros disponíveis.


Qualquer pessoa ou instituição pode doar livros novos ou usados. Para isso, basta procurar qualquer unidade regional da Defensoria.


Autor(a): Cléo Oliveira / Ascom DPE-TO


Tags: Biblioteca em Movimento

 

Photo

Foto : Loise Maria / Ascom DPE

Photo

Foto : Divulgação